A Guardiã dos Arquivos

Uma Simbiose parte sempre de um mote. Partes das palavras desse mote são usadas para gerar outra palavra, que inicia uma das linhas do poema. O vídeo abaixo apresenta esse movimento das letras e, também, a minha leitura desta Simbiose… que podes guardar e oferecer.

Pergunta (de uma leitora imaginária) sobre este poema

Esta “Senhora’, em vez de esperar, não podia fazer alguma coisa de concreto?

Não! O livre arbítrio dos Humanos não pode ser contrariado. Já viste Alguém descer à Terra com a missão de desarmar quem se prepara para matar? Se a decisão é matar, pois seja! Parece-te estranho? A mim também. Mas é assim. Complementa com isto.