Motes Alheios

… com ilustração vídeo.

Alma minha gentil, que te partiste
Simbiose inspirada pelo primeiro verso de um soneto de Luís de Camões.

Sentir! Sinta quem lê
Simbiose inspirada pelo último verso do poema “Isto” de Fernando Pessoa.

Peçam e ser-vos-á dado
Uma reflexão sobre esta frase bíblica.

Erros meus, má fortuna, amor ardente
Simbiose inspirada pelo primeiro verso de um soneto de Luís de Camões.

Ai flores, ai flores do verde pino
Simbiose partindo de uma canção de amigo do rei D. Dinis.

Amor é fogo que arde sem se ver
Simbiose inspirada no primeiro verso de um soneto de Luís de Camões.