Os velhos impedimentos

No vídeo abaixo podes ver-me a dizer o poema, apreciar o movimento das letras do mote para formar novas palavras e ler a “simbiose” com calma. Aqui, o som da leitura, para guardar ou oferecer.

Pergunta (de uma leitora imaginária) sobre este poema

Podes dizer-me que “poção’ é essa que me “porá a voar’?

Lamento, mas não sei responder à tua pergunta. Isso é uma questão entre ti e o teu “Anjinho da Guarda”. Consulta-o e logo saberás. … Não sabes como se consulta o “Anjinho da Guarda”? A minha avó diria: “Mete a mão na consciência, minha filha, mete a mão na consciência!”
Seja como for, aqui tens mais isto.