Um convite à renovação

Uma Simbiose parte sempre de um mote. Partes das palavras desse mote são usadas para gerar outra palavra, que inicia uma das linhas do poema. O vídeo abaixo apresenta esse movimento das letras e, também, a minha leitura desta Simbiose… que podes guardar e oferecer.  

Pergunta (de uma leitora imaginária)

O que é tu entendes por “regurgitar a Bicheza do Rancor”?

Esta expressão representa aquelas atitudes inspiradas pelo que de mais feio temos dentro de nós. Nalguns casos, somos nós que choramos, noutros casos quem chora são os outros. Seja como for, o “Rio da Peçonha Preta” obriga-nos ao “assoa-te”! Se vamos ou não “acabar com essa treta”, é o que falta saber! Atrevo-me a dizer que precisas de ler isto.